Cibersegurança para leigos: um resumo do livro



A cibersegurança é cada vez mais uma preocupação de pessoas e empresas. Estar seguro na internet é fundamental para manter a privacidade de seus dados e informações. Para isso é necessário saber identificar as vulnerabilidades para se defender.


O livro ‘Cibersegurança Para Leigos. Os Primeiros Passos Para o Sucesso!’ do autor Joseph Steinberg traz orientações fundamentais para quem quer se proteger de crimes e violações cibernéticas.


Além disso, o livro também apresenta direções a serem tomadas em caso de sofrer um ataque cibernético. São instruções desenvolvidas com base em décadas de experiência de Steinberg em diversas organizações.


Segundo o autor “as pessoas cometem erros que acabam dando margem àqueles que querem cometer crimes ciberteticos”. Neste livro você vai aprender a reconhecer esses erros e vai impedir criminosos de atingirem você, seu negócio e a sua família.

Esse livro é essencial para todos que utilizam utilizam a internet e possuam negócios ligados a ela. Uma leitura objetiva, clara e esclarecedora para que todos os públicos compreendam e se protejam das ameaças iminentes no meio online.

Confira na leitura abaixo alguns dos pontos principais do livro de Joseph Steinberg.


O que é cibersegurança?

A cibersegurança é uma ramificação da segurança da informação. Segundo o autor, a cibersegurança trata de informações e sistemas de informação que armazenam e processam dados em formato eletrônico.

A cibersegurança pode ser utilizada executada de diferentes formas, dependendo de quem as utiliza e para qual finalidade. E tem como objetivo principal a confidencialidade, a integridade e a disponibilidade de dados.

Por exemplo, pequenos empresários utilizam essa proteção para dados de cartão de crédito e para informações fiscais sobre o seu negócio. Já empresas que fazem negócios online, utilizam a cibersegurança para proteger seus servidores.

Steinberg afirma que apesar da cibersegurança não mudar ao longo do tempo, mas as tecnologias que são utilizadas para desenvolvê-las mudam. E essa mudança ocorre por muitos fatores, como: as próprias transformações tecnológicas, mudanças sociais, novos modelos econômicos e mudanças políticas.


Conhecendo Ciberataques comuns

Existe uma grande quantidade de ataques cibernéticos. O autor cita alguns dos formatos mais tradicionais de ciberataques.

Ataques que resultam em danos

Esses ataques acontecem quando o invasor tenta parar computadores e uma rede de computadores sobrecarregando o alvo com muitas solicitações ou dados. Essa carga afeta as unidades de processamento e esgota o sistema.

Personificação

O ataque de personificação é muito comum nos dias de hoje. Esse ataque acontece quando o criminoso se passa por outra pessoa, para desenvolver um ciberataque a uma terceira pessoa. Esse método de ataque é realizado para fazer a pessoa desenvolver alguma ação, ou para obter credenciais de uma empresa ou para obter ganhos financeiros de uma organização.

Interceptação

A interceptação é o ataque que os criminosos desenvolvem capturando informações e dados que estão em trânsito entre computadores. Se os dados não estiverem criptografados, os criminosos terão acesso a eles.


Malware

Esses são os conhecidos vírus de computador. São softwares maliciosos que causam danos aos usuários, roubando dados e informações dos computadores em que são executados.


Além desses ciberataques, o autor cita outros como o envenenamento de infraestrutura de rede e de serviços da web e o malvertising (publicidade maliciosa). E ele ainda fala sobre outros ataques mais avançados e direcionados a pessoas e empresas específicas.


Como utilizar a cibersegurança a seu favor

Se proteger desses ciberataques é fundamental para manter a integridade dos seus dados e informações. Tanto indivíduos, como empresas devem prezar pela cibersegurança.Com a grande quantidade desses ataques é fundamental desenvolver estratégias para garantir a proteção.

Softwares de segurança

Uma das principais dicas de Steinberg, para proteger informações pessoais e dados empresariais é o uso de softwares de segurança em todos os computadores e dispositivos móveis.


Esses softwares devem possuir antivírus e recursos de firewall. E eles devem ser mantidos sempre atualizados em funcionamento, para garantir uma cibersegurança efetiva.





Computador físico

O computador físico também necessita de proteção. Controle o acesso físico a ele e deixe-o em um local seguro. Se for possível, evite compartilhar o computador com outras pessoas.


Caso seja necessário compartilhar, opte pela criação de contas separadas com acesso por senhas. A cibersegurança só é efetiva se o acesso ao seu computador físico também for restrito.


Backup

Outra ferramenta de cibersegurança é a realização constante de backups em outros dispositivos em ferramentas. Esse procedimento evita a perda de dados em caso de colapso do computador.


Ferramentas de autenticação

Além do uso de senhas, opte sempre por outras formas de autenticação. O ideal é utilizar duas formas diferentes de autenticação. Hoje existem autenticações por códigos únicos de acesso, uso de digital, leitura da face e diversas outras.


Evite senhas simples

Essa orientação é imprescindível para manter a cibersegurança. Muitas pessoas utilizam as mesmas senhas em todos os seus dispositivos digitais. Porém isso não é recomendado.


Além disso, é fundamental desenvolver senhas fortes. As senhas devem evitar aniversários, números sequenciais, palavras ou nomes reais, pois com senhas neste formato o criminoso tem mais chances de invadir o sistema em questão.


Conclusão

Segundo o autor do livro, é muito importante antecipar as violações e aprender com elas, caso venham acontecer. Além disso, é recomendável sempre o auxílio de um profissional de cibersegurança. Esse profissional conseguirá estabelecer as melhores ferramentas e ações para evitar que os seus computadores e redes sofram ataques cibernéticos.

A cibersegurança é cada vez mais necessária, devido ao desenvolvimento tecnológico e aos aumento dos ciberataques. Busque sempre se proteger tomando as mais variadas precauções com as suas informações pessoais e dados da sua empresa. Essas informações e dados nas mãos de criminosos podem ser prejudiciais e causar sérios danos.


Sobre o autor do livro ‘Cibersegurança Para Leigos'

Joseph Steinberg é assessor de cibersegurança e consultor de assuntos de cibersegurança de empresas de tecnologia. Steinberg liderou empresas e setores de segurança da informação por mais de vinte anos.

O autor é um dos colunistas mais lidos sobre o tema e é uma autoridade respeitada no assunto e em outras tecnologias. Joseph é considerado um dos três principais influenciadores de cibersegurança do mundo.


Para saber mais sobre cibersegurança, acesse um trecho estendido do livro clicando aqui.

No Blog da Evoluum você encontra outros resumos de livros sobre tecnologia e inovação. Acesse e confira!





14 visualizações0 comentário