top of page

Crescimento empresarial: conheça as empresas que mais crescem no mundo



Desde a pandemia do COVID-19, o mundo está vivenciando grandes transformações em diversos setores de mercado. Algumas empresas que estavam em um momento de grande crescimento, tiveram suas operações paradas, novos negócios surgiram, oportunidades de negócios antes inimagináveis surgiram e independente do setor, todas as empresas precisaram se adaptar à nova realidade.


Além das grandes mudanças causadas pela pandemia, existe um forte movimento de transformação entre as empresas mais tradicionais para se adaptar à Nova Economia. Inovação e tecnologia nunca estiveram à frente de tantos debates como agora.


Estudamos a lista das 500 empresas que mais crescem no mundo, de acordo com a revista Fortune e fizemos algumas análises sobre o crescimento dessas empresas. Vamos conferir:


Fortune Global 500

A Fortune é uma revista americana muito conhecida por suas publicações e estudos em relação a negócios, empresas e tendências de mercado. Anualmente faz publicações com diversos estudos. Uma dessas publicações é a lista Global 500. Uma análise das 500 empresas que mais crescem no mundo.


A lista atualizada de 2022 já foi publicada e esse é o Top 10 das empresas que mais cresceram de 2021 para 2022:


  1. Walmart

  2. Amazon

  3. State Grid

  4. China National Petroleum

  5. Sinopec Group

  6. Saudi Aramco

  7. Apple

  8. Volkswagen

  9. China State Construction Engineering

  10. CVS Health


Mapa com as empresas da lista Global 500.


Na lista das 10 empresas que mais crescem no mundo, rapidamente é possível identificar que os setores de tecnologia e energia são os mais presentes no topo. Segundo a revista Fortune, “o Walmart alcançou o primeiro lugar pelo nono ano consecutivo, seguido pela Amazon, que alcançou sua classificação mais alta de todos os tempos.”


O que podemos aprender analisando o crescimento empresarial dessas marcas?


Crescimento empresarial da Walmart e da Amazon

É importante entender como as duas gigantes estabelecem seus modelos de negócios. Ambas oferecem vendas onlines e físicas, bem como diversas empresas e ramificações do negócio para atender um público maior e ganhar relevância no mercado.


O Walmart possui a rede de artigos e ferramentas para o lar ‘Home Depot’, que teve uma interferência muito positiva nas conquistas de faturamento do grupo. E a Amazon além de toda sua rede de varejo online, possui o Amazon Web Services - uma plataforma de serviços de computação em nuvem -, ganhos expressivos com publicidade, serviços por assinatura e lojas físicas.


O Walmart

Durante a pandemia, o governo dos Estados Unidos ofereceu diversos auxílios à população, o que fomentou o mercado do varejo fazendo as vendas dispararem neste período. Mas neste ano, mesmo com a inflação do país mais alta, os números de vendas do Walmart seguem altos.


Segundo uma reportagem do G1, nos Estados Unidos os consumidores “compraram menos produtos "não alimentícios”'', entretanto, “as despesas com alimentação, ao contrário, aumentaram.


Em matéria publicada pela Forbes, “o presidente-executivo do Walmart, Doug McMillon, disse que planeja adicionar mais 40.000 vendedores no marketplace da empresa este ano e expandir as capacidades de coleta e entrega em 35%.”


Perceba que independente da situação financeira dos consumidores e de qual tipo de produto está sendo mais consumido, a Walmart tem para oferecer. E essa busca por mais lojas parceiras para o marketplace da marca, só aumenta a possibilidade de atender maiores públicos e com diferentes necessidades, independentemente de como estiver a economia.


Amazon

Já comentamos que um dos fatores que fazem a Amazon alcançar números incríveis e estar sempre entre as maiores empresas do mundo, é sua diversidade de modelos de negócio. Hoje a Amazon possui:

  • Amazon Prime: sua própria plataforma de streaming por assinatura;

  • Echo Dot: dispositivo de som com a assistente virtual Alexa;

  • Kindle: dispositivo de leitura digital;

  • Marketpace com milhares de lojas parceiras cadastradas;

  • Amazon Logistics: empresa logística de envio e transporte de mercadorias;

  • Amazon Web Services: plataforma de serviços de computação em nuvem.


A Amazon não iniciou a empresa tendo todos esses produtos e serviços. Jeff Bezos identificou oportunidades no mercado e aos poucos foi agregando novas soluções para os consumidores da marca.


E é justamente por essa diversificação, que a empresa consegue se adaptar a novas realidade, como fez na pandemia, e conquistar mais fatias do mercado. Sempre investindo em novas tecnologias a Amazon busca reduzir custos para aumentar seus resultados.



Como o crescimento empresarial dessas empresas pode inspirar a sua

Analisar a trajetória de grandes empresas, erros e acertos, é uma forma de aprender e ter insights para o seu negócio. Neste caso, podemos nos inspirar nas duas maiores empresas do mundo para fazer alguns questionamentos sobre o seu negócio em relação a modelos de negócios e expansão de mercado:

  • Sua empresa tem investido tempo e dinheiro em entender as necessidades do mercado, assim como as dos consumidores?

  • Você está buscando novos canais de tração fazendo parcerias ou buscando novos modelos de negócio para sua empresa?

  • É possível expandir meu segmento-alvo, aumentando ou alterando a linha de produtos ou serviços oferecidos?

  • Em quais etapas do processo de desenvolvimento/criação/fabricação dos produtos ou serviços, é possível reduzir custos?


Conclusão

O sucesso do crescimento empresarial de uma empresa depende do quanto a gestão está disposta a inovar, investir em novas tecnologias, em estudar o mercado e principalmente, atender as necessidades dos clientes.


Hoje as duas maiores empresas do mundo, segundo a revista Fortune, são empresas totalmente focadas em tecnologia e em entregar excelência aos consumidores. Assim como o Walmart e a Amazon, você deve investir esforços em identificar as dificuldades dos clientes e em entregar boas soluções.


205 visualizações0 comentário

تعليقات


bottom of page