top of page

Processo seletivo Evoluum e como contratamos talentos

Quando falamos em processo seletivo a primeira palavra que vem à nossa mente é entrevista. A entrevista costuma ser uma etapa que causa ansiedade em muita gente, não é mesmo? Muitas pessoas sentem que o recrutador quer prejudicar e expor todos os seus pontos fracos. Eu não consigo falar por todos os recrutadores do mundo, claro, mas ao meu ver, isso está muito longe de ser a nossa missão! Se você já encontrou alguém assim, eu lamento muuuuuito. Agora, eu gostaria de te mostrar como funciona o processo seletivo na Evoluum!


Aqui na Evoluum buscamos, durante o decorrer das etapas, compreender a pessoa candidata e suas habilidades, entender como essa pessoa pode agregar valor ao time, o que a motiva e como reage em diferentes cenários, tudo isso alinhado com a nossa cultura. Nosso objetivo é apoiar os candidatos durante o processo seletivo, inclusive durante a entrevista, e ajudá-lo a mostrar sua melhor versão e todo o seu potencial, entendendo a sua trajetória com todos os desafios, conquistas, erros, lições aprendidas e progressos.


Agora darei uma dica importante: Conhecer o processo seletivo e saber o que a empresa espera da pessoa candidata em cada etapa ajuda muito a mandar bem e a diminuir a ansiedade que esse processo pode causar. Então vou te apresentar o processo seletivo da Evoluum e como identificamos e contratamos talentos, vamos lá?




Agora vamos ver em mais detalhes!


A primeira etapa de nosso processo seletivo consiste em um bate-papo com a recrutadora. Antes dessa conversa, solicitamos que a pessoa candidata responda ao questionário Solides Profiler. É importante destacar que não há respostas certas ou erradas neste teste, pois o comportamento depende do contexto, do que aprendemos e da experiência pessoal. Com base em suas respostas e em como você está, esse teste apresenta uma visão de como você tende a agir em diferentes contextos.


Durante o bate-papo, contextualizamos o resultado, verificamos em conjunto o que faz ou não faz sentido com o seu atual momento e explorando sua trajetória e evolução. Essa etapa também envolve a avaliação de comportamento, com o objetivo de entender como cada pessoa tende a agir em situações diversas.


O comportamento pode ser inferido, isto é, podemos obter uma conclusão a partir de evidências. Esta é a razão pela qual os recrutadores perguntam tanto para contar sobre situações que você já vivenciou. Reforço que não há respostas certas ou erradas nesta avaliação. A análise se baseia na correspondência entre os comportamentos observados e os comportamentos esperados pela empresa para aquela posição em específico.


Entrevista técnica

Nesta fase o bate papo acontece com uma pessoa mais sênior do time, alguém com vasta experiência, capaz de compreender e avaliar os conhecimentos e habilidades específicas necessários para a área e a função em questão.


Durante essa etapa, além de analisar o conhecimento técnico e as habilidades da pessoa candidata, também avaliamos sua capacidade de aplicar esses conhecimentos em situações reais. Testamos suas habilidades de resolução de problemas, capacidade de comunicação e buscamos entender os desafios e situações com os quais ela já lidou.


Procuramos, ao máximo, evitar a aplicação de testes práticos. No entanto, em casos de desempate ou quando há resquícios de dúvidas quanto a alguma habilidade, precisamos recorrer ao teste como uma forma de observar os conhecimentos técnicos em ação.


Entrevista com a liderança

Bora conhecer a liderança? A pessoa candidata terá a oportunidade de se familiarizar com seu possível futuro líder, entender o estilo de gestão, esclarecer dúvidas sobre a equipe e muito mais.



Neste momento focamos em avaliar o fit de carreira. Para nós, é fundamental que a pessoa consiga se desenvolver dentro da Evoluum. Além disso, tomamos cuidado para avaliar se haverá um bom match do time com esta pessoa e vice-versa. Nada melhor que trabalhar em um ambiente saudável e com pessoas que nos impulsionam, não é mesmo? Esse é o cuidado que temos. Então nessa etapa, a avaliação pode incluir habilidades de comunicação, trabalho em equipe, resolução de conflitos e outras competências interpessoais relevantes para a dinâmica daquela equipe.


Aqui a liderança também quer conhecer melhor a trajetória dessa pessoa, seus desafios anteriores e compreender como ela se adapta a novos cenários. Além disso, estamos interessados em entender mais suas motivações e o que facilita seu aprendizado e integração pois, caso essa pessoa venha atuar conosco, queremos dar suporte e facilitar sua adaptação.


Evoluum Talk

Todos compartilhamos a responsabilidade pela cultura da Evoluum. Cultura não é algo estático, ela é mutável e evolui de acordo com nossas ações e decisões. É por isso que a última etapa do processo seletivo, o Evoluum Talk, consiste em uma conversa descontraída com membros de diferentes times.


Nesse momento, buscamos validar se a pessoa candidata compartilha dos mesmos valores que guiam nossa cultura. É importante ressaltar que não existe uma resposta certa ou errada nesse contexto, já que a cultura de uma empresa pode se alinhar com algumas pessoas e não com outras. Se não houver compatibilidade, isso pode indicar que a pessoa não se sentirá à vontade aqui ou que poderá ser exigido adotar uma postura que não condiz com seus comportamentos. Mas lembre-se que isso pode mudar, como conversamos agora pouco.


Enfim, o alinhamento cultural é fundamental para garantir que a jornada seja de muita evolução. E este também é o momento perfeito para que a pessoa candidata tire suas dúvidas com quem trabalha aqui conosco. A equipe da Evoluum é a melhor fonte para compartilhar experiências reais sobre o que é estar aqui e colaborar conosco!


E agora, algumas dicas:


  • A cada vaga é analisada qual a necessidade do time, que comportamentos gostaríamos de reforçar na equipe ou que comportamentos gostaríamos de adicionar para tornar a equipe ainda melhor. Isso tudo influencia no perfil comportamental desenhado para a vaga. Por isso, em alguns momentos podemos emitir comportamentos que não dão match com o que a empresa ou a vaga espera.

  • Mas o contrário também pode acontecer, quando a pessoa candidata entende que aquilo que ela quer encontrar na empresa não alcança sua expectativa. É importante lembrar que tanto as pessoas quanto as empresas estão em constante evolução. Se em algum momento não houver uma correspondência, não se preocupe. Em outras oportunidades, as circunstâncias podem ser diferentes e o match pode ser mais perfeito!

  • Quanto maior a sintonia, maior a probabilidade de sucesso para ambas as partes, especialmente para a pessoa candidata.

  • Por fim, se não for dado um feedback, sempre peça. Isso pode ajudar a entender o que a empresa está buscando nesse momento e pode dar mais subsídios para que você desenvolva novas habilidades.

Gostou de conhecer mais sobre o processo seletivo da Evoluum?!



14 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page